Farmácias projetam serviço clínico domiciliar em Portugal – Imã de geladeira e Gráfica Mavicle-Promo

A ideia é que o consumidor possa agendar a visita da app ou da loja física

Ainda se recuperando de uma forte crise que marcou presença, principalmente, entre 2010 e 2015, a economia espanhola, o sector da farmácia em Portugal centra-se agora em ser um espaço de prevenção e atenção à saúde em um dos países da Europa com a população mais envelhecida, grupo que só tende a crescer com as pessoas que vivem mais.

“Fazer de farmácias de cuidados de saúde. Essa é a nossa missão”, disse o presidente da Associação Nacional de Farmácias de Portugal, Paulo Duarte, durante o encontro Everywhere The Store, que promove o debate e a troca de experiências com a comunidade varejista durante a NRF 2019, o maior evento de varejo do mundo, que ocorre entre os dias 13 e 15 de janeiro em Nova York.

Assim como as redes brasileiras, a aposta nas farmácias portuguesas está nos serviços da clínica. No entanto, mais do que isso, projetam o serviço clínico no domicílio, que pode ser programado através da aplicação ou directamente na loja física, solicitando a visita de um profissional de saúde para coletar o sangue, a medida da glicose no sangue ou a pressão, entre outros serviços. “Queremos que compram on-line, mas também queremos ser um híbrido entre produtos e serviços e para chegar até a casa do consumidor”, disse Duarte, em entrevista exclusiva ao Portal NOVAREJO. “Muitas vezes nos vemos como por menor e menos como um espaço de saúde. Mas na mente das pessoas, é importante que eles tenham essa visão”. Paulo ressalta que a indústria da saúde é uma das que mais vão crescer no mundo. “O objetivo das pessoas é viver cada vez mais e melhor”.

Esta ampliação de serviços acabou por incluir outros profissionais do setor, além do farmacêutico, como nutricionistas e enfermeiros, passando a oferecer produtos e serviços voltados para a alimentação, o acompanhamento dos diabéticos, asmáticos e na prevenção e controle da obesidade, um dos temas centrais da saúde do século 21. “Queremos olhar para a farmácia como estabelecimento de saúde e ligado aos produtos, em torno desse tema”.

Outro investimento do varejo farmacêutico português, além do serviço clínico domiciliar, é no segmento de beleza e higiene pessoal, assim como no Brasil, e na entrada de produtos para a saúde do animal de estimação, o que ainda não ocorre no País. Paulo argumenta que o bem-estar e os cuidados de saúde estão muito perto do setor de beleza.

Fonte: Portal NOVAREJO

Foto: Shutterstock

CRF-SP gera o debate sobre a atenção farmacêutica

Compartilhar:

Fonte: guiadafarmacia.com.br/farmácias-projetam-serviço-clinico-domiciliar-em-portugal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Notice: ob_end_flush(): Failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/grafica/imadegeladeira.ind.br/wp-includes/functions.php on line 5420

Notice: ob_end_flush(): Failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/grafica/imadegeladeira.ind.br/wp-includes/functions.php on line 5420